adere.png

TIPOS DE DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

Como já vimos, as causas da deficiência intelectual são várias e, muitas vezes, difíceis de detectar. As mais comuns estão relacionadas às alterações cromossômicas e gênicas, desordens do desenvolvimento embrionário ou a outros distúrbios estruturais e funcionais que acabam por impedir o pleno desenvolvimento do cérebro e a construção das sinapses. No quadro, confira os principais tipos de deficiências intelectuais:

 

Síndrome de Down

Alteração genética na formação do feto.

  • O coeficiente de inteligência pode chegar a valores inferiores a 40;

  • A linguagem fica mais comprometida;

  • A visão é relativamente preservada;

  • As interações sociais tendem a se desenvolver bem;

  • Podem aparecer distúrbios como hiperatividade e depressão;

 

Síndrome do X-Frágil

Alteração genética que acomete, principalmente, crianças do sexo masculino.

  • Insuficiência intelectual, que varia de pessoa para pessoa;

 

Síndrome de Prader-Willi

A maioria dos casos resulta de um erro genético aleatório, não hereditário, que ocorre no momento da concepção, quando se formam os gametas.

  • No período neonatal, a criança apresenta severa hipotonia muscular, baixo peso e pequena estatura;

  • A pessoa apresenta problemas de aprendizagem;

  • Tem dificuldade para elaborar pensamentos e conceitos abstratos;

 

Síndrome de Angelman

Condição causada por uma mutação genética que leva, principalmente, a anomalias neurológicas.

  • Atraso do desenvolvimento neuropsicomotor;

  • Severo atraso de linguagem e fala;

  • Problemas de coordenação motora e ataxia devido a danos no cérebro, nos nervos ou nos músculos;

  • Em alguns casos, a pessoa apresenta crises epilépticas de difícil controle;

 

Síndrome Williams

Desordem ou falha genética do cromossomo 7, causada pela ausência de 21 genes responsáveis pela formação de elastina, proteína que forma as fibras elásticas.

  • Problemas cardiovasculares e renais;

  • Possível desenvolvimento irregular do cérebro;

 

Erros inatos de metabolismo

Alterações metabólicas detectadas pelo Teste do Pezinho que, quando tratadas adequadamente, podem prevenir o aparecimento de deficiência intelectual.

  • Crescimento inadequado;

  • Doenças recorrentes e inexplicáveis;

  • Convulsões, ataxia, perda de habilidade psicomotora, hipotonia, sonolência ou coma;

  • Anormalidade ocular, sexual, de pelos e cabelos;

  • Surdez, acidose láctea e/ou metabólica, distúrbios de colesterol;